Social Icons

twitterfacebooklinkedinemail

sábado, 20 de outubro de 2012

Minha Mulher Transou com Outro e Não Consigo Esquecer

"Ultimamente tenho estado péssimo. Fui casado durante 4 anos com uma mulher 10 anos mais velha do que eu, com 2 filhas adolescentes, nesse tempo tivemos uma filha ,amava muito ela, aliás ainda a amo muito, mais há uns 7 meses atrás me separei dela, ela sempre me dizendo pra voltar que era eu quem ela amava e que não queria ficar sozinha, durante uns 2 meses não tivemos nada, mais depois sempre que nos encontrávamos, ficávamos, pra não deixa-la desamparada em questão financeira até dava mais do que o normal de pensão, alias continuava dando o mesmo de quando eu estava com ela. No dia 12 de outubro de 2011 ficamos antes de tudo acontecer, depois desse dia como moro no interior de São Paulo e trabalho na capital, não nos falamos até o final do mês, nesses 15 dias acabei me envolvendo com uma moça próxima do meu trabalho, mais nada serio, quando voltei fiquei sabendo que ela estava namorando, me senti arrasado e a procurei pra conversar com ela, pedi desculpa e que queria voltar, ela aceitou de inicio não quis falar sobre o que tinha acontecido, mais depois de muita insistência ela contou que tinha se envolvido com um rapaz do serviço dela e que tinham saído algumas vezes, já faz 2 meses mais ou menos que voltamos, mas não consigo perdoa-la sobre isso, me sinto mal, muito mal mesmo, só que tenho medo de me separar de novo, recentemente descobri que o cara que ela fico é usuário de droga e como trabalho na área da segurança me senti péssimo, pois parece até uma afronta, tem outro problema também, me sinto como um ninguém dentro de casa, alguém que apenas paga as contas pois não posso falar nada e pra ajudar a filha mais velha de minha mulher esta namorando um rapaz que não sai daqui de dentro, ando me sentindo um lixo. Tenho atualmente 23 anos de idade."

Caríssimo Menino Maduro,

Menino maduro é algo dicotômico em si. É preciso tempo, visão de mundo mais clara, para elevar a condição de maturidade, de fase adulta, a maioria dos homens demoram um pouco mais para alcançar essa fase, poucos chegam antes.

Ao começar uma relação com 19 anos e com uma mulher de 29, imagino o que você não se esforçou para acompanhar essa moça nessa relação, ainda mais com duas filhas quase que da mesma idade que você (com o tempo de vida voce vai entender bem melhor o que estou falando). Esses quatro anos devem ter sido de muitos momentos felizes, mas também muitos momentos de provas de fogo e naturalmente você ficou exausto, por isso o tempo, a separação.

Caro, na sua idade ainda sonhamos como os super-heróis, ainda pensamos que somos os salvadores e protetores do planeta. Imagina! Se isso acontece, como não protegerei a mulher amada e toda a sua prole?

Quero te mostrar um outro quadro, o da responsabilidade.

No que de fato você é responsável? Pela vida de quem?
Além da sua própria, é também pela da sua filha e só até que ela atinja a maturidade para lidar com suas próprias questões, até a hora que ela se torne responsável por ela mesma.

Você não acha que está forçando uma barra? Já desfez o laço, arrumou outra, ela também tocou a vida. Qual o futuro dessa relação? O que você espera de fato?

Acredito muito que você terá que tomar essa decisão por conta própria, essa decisão sim faz parte do seu desenvolvimento, do seu amadurecimento.

Amor não é sofrimento, sacrifício não é sofrimento. Amor é liberdade, é alegria. Sacrifício é trabalhar para vencer!

Fique bem e seja feliz!

Alexandre Santucci
Envie suas perguntas para  SeR no Divã (sernodiva@gmail.com)
Sigilo: seu nome não será publicado.

Publicado no SeR em 10 de Abril de 2012 19:49

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...